Folha do Brejo

Notícias/Política

Raniery classifica de golpe gesto de Veneziano em retirar vice-presidência do MDB de Roberto Paulino

“A forma que foi feito, foi um golpe, não há como dizer que não”

Raniery classifica de golpe gesto de Veneziano em retirar vice-presidência do MDB de Roberto Paulino
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Pré-candidato a deputado federal, o deputado estadual Raniery Paulino (Republicanos) não escondeu sua frustração com a falta de palavra do senador Veneziano Vital do Rêgo (MDB) que retirou Roberto Paulino (MDB) da vice-presidência do partido, mesmo após ter assegurado que não faria este movimento.

Segundo o parlamentar, a família Paulino teria entendido se o senador tivesse, previamente, informado da marcha à ré da decisão, no entanto, Veneziano preferiu dar um golpe, pegando todos de surpresa.

“Foi um golpe, sem dúvida alguma, não há como dizer que não. O gesto que ele teve meses antes foi diferente. Ele teve na minha casa disse que Roberto jamais seria retaliado da vice-presidência, e o que foi feito pelas costas foi tirá-lo da vice. Não é apego a cargo, mas o procedimento, e metodologia equivocada. A forma que foi feito, foi um golpe e eu tenho que acusar o golpe mais uma vez. Nós teríamos entendido se ele tivesse explicado a situação, mas da forma como foi feito, não há como dizer que não foi golpe”, disparou.

Essa não é a primeira vez que o senador é tachado de golpista. Enquanto deputado federal, Veneziano foi um dos que votou favorável ao impeachment da ex-presidente Dilma, do PT. Hoje, no entanto, o parlamentar é novamente aliado do partido como pré-candidato ao Governo em busca dos apoios dos petistas.

FONTE/CRÉDITOS: Blog do Ninja
Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!